quarta-feira, 9 de maio de 2018

HOMEOPATIA NO COMBATE A DENGUE, ZICA E CHICUNGUNHA



A Biológica lançou uma campanha para promover a Homeopatia e combater a Dengue. Estamos usando uma experiência desenvolvida e adotada em São José do Rio Preto, interior de São Paulo, pelo médico da Faculdade de Medicina de Rio Preto , Renan Marino, que nos autorizou e enviou sua Tese de Mestrado para respaudar esta ação.
No ano de 2001, em caráter experimental, 2 mil doses de Eupatorium 30 CH foram aplicadas no bairro Cristo Rei,interior de São Paulo, que era o mais infectado, reduzindo os casos da doença drasticamente. Hoje, o Cristo Rei é dos bairros com menos casos de dengue na cidade. Segundo a Secretaria de Saúde municipal.
O uso da homeopatia em Saúde Coletiva representa uma medida complementar a todas as ações de saúde pública que vem sendo desenvolvidas,sendo uma medida coadjuvante ao plano de contingência que busca conter ou minimizar, de todas as formas possíveis, a evolução e agravos da epidemia de dengue.
A homeopatia pode ser utilizada como uma forma de prevenção e de tratamento das doenças DENGUE, ZIKA e CHIKUNGUNYA. A experiência que tivemos utilizando homeopatia contra dengue é uma das provas de sua ação, além dos trabalhos já publicados. Funciona assim: Se você for picado pelo mosquito contaminado você pode até desenvolver uma destas doenças, no entanto ela será muito mais fraca. Se for contaminado sem estar utilizando a homeopatia você poderá utiliza-lá como um tratamento ALIADO ao já preconizado pelas instituições de saúde, a cura é muito mais rápida e os sintomas diminuirão também de forma surpreendente.
Medicamento: – Eupatorium perfoliatum 30CH (experimentação patogenética realizada por Williamson, W. etNeidhard, em 1846, pelo Instituto Americano de Homeopatia, a partir de uma planta nativa do leste dos E.U.A, utilizada pelos índios no combate da “febre quebra-ossos”)
Pode ser utilizada por gestantes, idosos e recém-nascidos! Não tem NENHUMA CONTRA INDICAÇÃO!
ADMINISTRAÇÃO DO MEDICAMENTO:
DOSE :
COMO PREVENTIVO/”VACINA”: 05 (duas) gotas, via oral, em dose única;a cada 3 meses.
APRESENTANDO SINTOMAS: 5 (cinco) gotas, via oral, 3 a 4x/dia.
“Para aqueles que ainda acham que a homeopatia é um placebo, que não serve pra nada … “Não acredite, experimente” .
Por: Rumi Tutiya
Farmacêutica Especialista em Homeopatia

http://www.biologicanet.com.br/blog/2015/12/homeopatia-no-combate-a-dengue-zica-e-chicungunha/

sábado, 5 de maio de 2018

Maria Lopes e a Homeopatia

 Vale do Aço continua a ser a região com maior incidência dos casos de chikungunha.







https://youtu.be/4cK0R-hFRiw



A intensa chuva que ocorreu em Minas Gerais deve deixar todos ainda mais alertas sobre focos de criação do mosquito Aedes aegypti. Até segunda-feira (19), o Estado havia registrado 8.148 casos prováveis de dengue, sendo 1.429 deles referentes ao mês de março.
Até o momento, há seis mortes em investigação para dengue em Minas. No ano passado, quando foram registrados 26.862 casos prováveis da doença, 18 pessoas morreram em decorrência da enfermidade. A doença está presente em todas as regiões do Estado e as cidades onde há maior incidência são Estrela do Indaiá (Centro-Oeste), Guidoval (Zona da Mata), Visconde do Rio Branco (Zona da Mata), Marliéria (Vale do Aço) e Moema (região Central).
Febre chikungunya
A região do Vale do Aço continua a ser a região com maior incidência dos casos de chikungunya. Os 1.744 casos prováveis da doença registrados no Estado se concentram na região, especialmente em Coronel Fabriciano, onde há suspeita de 312 ocorrências em 2018.
Não há registro de morte para chikungunya em 2018. No ano passado, foram registrados 13 óbitos por causa da doença em Minas, sendo dez no município de Governador Valadares. Outras cinco mortes suspeitas da doença não foram confirmadas por meio de exame laboratorial.
Zika
Também foram registrados 98 casos prováveis de zika em 2018, sendo 32 em gestantes e, dessas, apenas uma com confirmação laboratorial. As possíveis ocorrências da doença em gestantes foram registradas em 18 municípios, com destaque para: Belo Horizonte (5), Timóteo (4), Coronel Fabriciano e Sete Lagoas (3), Juiz de Fora, Santana do Paraíso e Ubá (2). Em 2017, foram registrados 725 casos da doença.

A febre chikungunya continua a assustar os moradores do Vale do Aço. De acordo com o boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES) sobre dengue, chikungunya e zika vírus publicado nesta segunda-feira (23), foram registrados 4.310 casos da doença em Minas Gerais, sendo que a maioria das notificações aconteceram na região do entorno de Ipatinga e Coronel Fabriciano. Deste total, 47 pacientes são gestantes, sendo que 15 foram confirmadas por exame laboratorial.
Além das duas maiores cidades do Vale do Aço, os municípios de Açucena, Santana do Paraíso e Belo Oriente indicaram alta incidência de febre chikungunya neste mês de abril. Até o momento, não houve o registro de morte por causa da doença no Estado. No ano passado, foram confirmadas 15 mortes pela enfermidade no Estado, sendo 12 somente em Governador Valadares, no Vale do Rio Doce.
Dengue
Segundo o levantamento da secretaria, em 2018, até o momento, foram registrados 14.781 casos prováveis de dengue, sendo que 3.278 deles foram referentes a este mês. Três óbitos foram confirmados por dengue em residentes nos municípios de Conceição do Pará e Moema, no Centro-Oeste de Minas, e Uberaba, no Triângulo Mineiro. Há outras nove mortes sendo investigadas com exame laboratorial. No ano passado, houve 18 óbitos confirmados pela doença em Minas.
Segundo a SES, no último mês, dez municípios encontram-se com incidência muito alta de casos prováveis de dengue e três municípios em alta incidência. Piraúba, Visconde do Rio Branco, Pequi e Lagoa da Prata são os municípios que, neste momento, apresentam a maior incidência da doença no Estado.
Zika
Foram registrados 170 casos prováveis de zika este ano em Minas, sendo 53 em gestantes – três destes casos confirmados por exame. Os casos referentes a mulheres grávidas foram registrados em 19 municípios, como Ipatinga e Montes Claros (8 gestantes cada), Janaúba (6 gestantes), Timóteo (4 gestantes), Belo Horizonte, Coronel Fabriciano, Santana do Paraíso, Sete Lagoas e Uberlândia (3 gestantes cada), Juiz de Fora e Ubá (2 gestantes cada).


Homeopatia contra a dengue, zika e chicungunha. Cuide-se.


Recebi estas indicações homeopáticas via WatsApp, contra a dengue, zika e chicungunha, esta sendo distribuída pela Casa do Caminho de Macaé. 




OBS> As indicações são para uso de adultos. 





Estas fórmulas tendem a aumentar a imunidade de nosso organismo. 
Em caso de suspeita de  contaminação procure imediatamente a 
Unidade de Saúde mais próxima de sua residência.


Casa do Caminho de Macaé

A Casa do Caminho é uma ONG kardecista sem fins lucrativos que promove ações de assistência social a comunidades carentes de Macaé, RJ

Rua do Caminho 500


Email: casa@casadocaminhomacae.org.br 

Macaé - RJ  CEP 27917000

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O IDEAL É HIDRATAR-SE INGERINDO MUITA ÁGUA DE COCO.
"Tire uma cópia e leve a uma Farmácia Homeopática mais perto de sua casa. 

Não acredite que o mosquito irá transtornar somente o seu vizinho. 

Previna-se. 

Em caso de dúvidas procure um Homeopata próximo a sua residência. 

Porque os responsáveis pela Saúde considerada oficial não divulga os sucessos da Ciência da Homeopatia, estará você se perguntando. 

Por tratar-se de um medicamento barato e não interessar aos grandes laboratórios"

Maria Lopes de Andrade. Terapeuta Homeopata pela Universidade Federal de Viçosa- MG/ Reg: Livro 10, Nº 21615,Folha 193 

                 https://marialopeseahomeopatiametafsica.blogspot.com.br/2016/02/homeopatia-contra-dengue-zika-e.html


Maria Lopes de Andrade.  
Jornalista Reg. CPJ. 24.825 - 76 - RJ,Radialista.

              Ivan Luiz de Andrade            
     Jornalista - Reg. CPJ 38.690 - RJ - 1977

   Parapsicóloga Clínica, Acupunturista,Reikiana Master,

                                          Terapeuta Quântica de Barras de Acess.

 Homeopata Metafísica ( Coordenadora de Estagio do Curso de Extensão em Homeopatia da Faculdade Federal de Viçosa- MG/ Reg: Livro 10, Nº 21615,Folha 193 v).

Participei do CBO 2000 a convite do MTE,, Ministério do Trabalho e Emprego, representei os Terapeutas do Brasil, na elaboração das Normas do Trabalho dos Terapeutas.

Participei como convidada por
Qualidade de Trabalho CBO 2000 MTE
(Classificação Brasileira de Ocupações do Ministério do Trabalho e Emprego).
Ofício nº194/SE-MTE "Secretaria Executiva do Ministério do Trabalho e Emprego".
Brasília,17 de maio de 2000.

Jornalista Reg. CPJ. 24.825 - 76 - RJ, 
Radialista, 
Parapsicóloga Clínica, 
Acupunturista, Reikiana Master,
 Terapeuta Quântica, Terapeuta de Barras de Acess. 
 Homeopata Metafísica ( Coordenadora de Estagio do Curso de Extensão em Homeopatia da Faculdade Federal de Viçosa- MG/ Reg: Livro 10, Nº 21615,Folha 193 v).

quarta-feira, 2 de maio de 2018

Maria Lopes e a Homeopatia Metafísica

Maria Lopes e a Homeopatia Metafísica 

Aurum metallicum



MENTE:

- Desapontamento. Depressão e cansaço da vida.
- Introvertido. Sério.
- Sensível. Refinado. Facilmente ofendido.
- Não reparte emoções. Temperamento explosivo.
- Correto. Bem educado. Consciencioso.
- Responsável. Responsabilidade não usual<.
- Metas elevadas.
- Trabalha duro. Alcança alta posição na sociedade.
- Transtornos por pena, por reveses nos negócios.
- Sensibilidade a qualquer crítica.
- Raiva, ressentimento. Deseja vingança.
- Sentimento de abandono.
- Ansiedade de consciência. Ilusão de ter negligenciado seus deveres, feito errado, tudo irá fracassar, ele é inadequado para o mundo.
- Suplica, com pranto. Desespera-se pela sua salvação.
- Temor de doença cardíaca, lugares altos, em multidão.
- Impulsos suicidas. Suicida pela dor.
- Deseja morrer.

GENERALIDADES:
- > Ao anoitecer. < do poente ao nascente.
- > Luar.
- > Ar livre.
- > Aplicações frias.
- > Música (religiosa, clássica, música suave).
- Dores < noite.
- Glândulas inchadas. Endurações. Malignidade.
- Dores ósseas.

COMIDAS E BEBIDAS:
- Desejos: álcool, leite, pão, doces.
- Aversão: carnes.

CABEÇA:
- Dor perfurante, no olho direito ou na raiz do nariz.
- Sinusite.

NARIZ:
- Obstrução nasal crônica.
- Carcinoma.

BOCA:
- Ácida, gosto amargo.

GENITAL:
- Inflamação e enduração dos testículos < lado direito.
- Testículos retidos (1o rem RM).
- Desejo sexual aumentado. Masturbação.

TÓRAX:
- Endocardite.
- Cardiopatia reumática.

SONO:
- Gemidos durante o sono.

Maria Lopes e aHomeopatia Metafísica

Maria Lopes e aHomeopatia Metafísica 

Toxoplasmose em Santa Maria:

 por prevenção, governo orienta consumo de 

água mineral, filtrada ou fervida

Órgãos de saúde ainda não identificaram o meio transmissor da doença.

 Quatorze casos já foram confirmados

19/04/2018 - 19h57min

Maria Lopes e A Homeopatia Metafísica

DEPRESSÃO - A DOENÇA DESCONHECIDA

De acordo com OMS (Organização Mundial de Saúde), até 2020 a depressão será a principal doença mais incapacitante em todo o mundo. Isso significa que quem sofre de depressão tem a sua rotina virada do avesso. Ela deixa de produzir e tem a sua vida pessoal bastante prejudicada. Atualmente, mais de 120 milhões de pessoas sofrem com a depressão no mundo – estima-se que só no Brasil, são 17 milhões. E cerca de 850 mil pessoas morrem, por ano, em decorrência da doença. Entretanto, depressão é depressão no mundo todo. O que muda são os fatores que ativam esse processo. Estudos mostram que de 10 a 15% da população mundial devem apresentar pelo menos um episódio depressivo durante a vida. Desses, 40% terão apenas uma crise. Os outros 60% apresentarão novos episódios.

Descrita pela primeira vez no início do século 20, a depressão ainda hoje é confundida com tristeza (sentimento comum a todas as pessoas em algum momento da vida), frescura, moleza, fraqueza (baixa força de vontade – preguiça). Brigar com o namorado, repetir o ano escolar e perder o emprego são motivos para deixar alguém triste, cabisbaixo. Isso não significa, porém, que se está com depressão. Em alguns dias, ele, certamente, vai estar melhor. A perda de um ente querido, um acidente de carro, um divórcio, a perda da casa própria ou situações de constrangimento e agressão como assalto, presenciar um assassinato e etc, também circulam nas temáticas que deixam em dúvida um diagnóstico preciso. Cada indivíduo irá agir ou reagir de forma diferenciada, por isso as causas depressão é considerada multifatorial, pois tem componentes genéticos, biológicos e externos.
Uma pessoa, cuja família tenha outros casos de depressão, apresenta maiores chances de herdar a vulnerabilidade para a doença, isso é fato.
Os fatores biológicos estão relacionados a outras doenças e ao estresse, que pode ser físico (como uma dor constante), ambiental (frio ou calor extremos), e psicológicos (abuso sexual em crianças, por exemplo). Acredita-se que uma pré-disposição genética faça com que a pessoa seja mais suscetível a desenvolver o transtorno quando exposta a algum desses fatores.
No cérebro desses pacientes, ocorre uma diminuição na ação de alguns neurotransmissores, principalmente na dopamina e seratonina, responsáveis pelas emoções e estados de humor. Segundo Ricardo Moreno, chefe do Programa de Transtorno Afetivo do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da USP, “40% da depressão tem base genética, os outros 60% estão relacionados com fatores como álcool e outras doenças”. 

O indivíduo que já sofreu um quadro depressivo tem mais chances de voltar a apresentar o quadro novamente, aqui ela é chamada de depressão reincidente.
A depressão pode se manifestar de maneira leve, moderada ou grave. Para o paciente, no entanto, o sofrimento é grande. De acordo com Marcos Pacheco Ferraz, da Unifesp, o que difere o grau do distúrbio é a intensidade e a quantidade de sintomas associados.

Confundir os sintomas da depressão com um possível infarto é comum. Confundi-la com uma crise de choro passageira e leve tremor do stress diário, também. A depressão se manifesta de forma diferenciada e deve ser tratada como tal. Diminuir a doença acaba por camuflar e retardar sua ação, nunca irá eliminá-la. Depressão não cura fazendo compra no shopping, nem tomando um banho de banheira ou saindo pra dançar. Depressão é uma doença e só encontra a cura quando existe uma seriedade no tratamento. Hpd.

Outro fator importante é que a depressão é uma doença psiquiátrica que não faz distinção de classe social, idade e sexo. Mas sabe-se que o pico da doença ocorre, principalmente, em indivíduos entre 18 e 45 anos e a prevalência é duas vezes maior em mulheres do que em homens. Isso é uma questão de hormônio. “Aqui pelas nossas pesquisas, acabamos verificando que a depressão masculina chega de forma mais brutal, parece – nos que pela carga imposta aos homens de sustentar responsabilidades e nas mulheres de serem sempre considerados achaques, frescuras, impedindo o atendimento correto e rápido.”Hpd.
A alimentação, o controle do stress, a qualidade do sono, a coordenação sadia dos problemas diários e a qualidade de vida são fundamentais, entretanto, quando pensamos que não podemos controlar nossas vidas e que as vezes somos responsáveis pelos nossos próprios sofrimentos é estranho.
https://www.bioaromas.com.br Ariane Roehe (um parceiro que divide as responsabidades e ajuda a aliviar as tensões)
https://www.teliga.net “As bases genéticas da obesidade” Gladis Franck.
Não temos como dizer a um jovem de 15 anos que a vida vale à pena, que não precisa se envolver com drogas – os mais pobres se envolvem pela condição financeira os mais ricos pela falta de algo mais e assim vai. Posso comer alimentos ditos anti depressivos ... minha faxineira só pode quando está na minha casa. Não tem como fugir do stress do transito, da falta de grana pra pagar o gás, mais dá pra fugir das dívidas pelas plásticas novas que não mudam o caráter de ninguém e nem te fazem a bela adormecida despertada do dia pra noite.
É normal ouvir alguém dizer: DEPRESSÃO de que? Tem tudo, casa, comida, roupa lavada, não falta nada. Banalizar doenças como depressão ou tratá-la como falta do que fazer é muito difícil e piora o estado. O apoio das religiões é de grande valia e importância, a fé ajuda e dá um bem estar renovador, entretanto deixar que Jesus seja seu psicólogo e ponto complica bem as coisas, melhor pensar que ele já ajudou alguém, a saber, como tratar essa doença, e, portanto estará te ajudando através do profissional.
O assunto é sério e está diretamente ligado a condição de vida da população. Aos valores que comungamos todos os dias. As formações genéticas e ao meio em que vivemos.
O que mais me surpreende na humanidade. "Os homens perdem a sua SÁUDE para juntar dinheiro, depois perdem o dinheiro para recuperar a saúde. E por pensarem ansiosamente no futuro, esquecem do presente de tal forma que acabam por não viver nem o presente nem o futuro. E vive como se nunca fossem morrer... e morrem como se nunca tivesse vivido"     Dalai Lama.
E agora? O que podemos fazer ou falar para não sermos repetitivos? Sabemos que muitos de nós temos uma visão limitada sobre nossas doenças do dia a dia.
Se sabemos podemos mudar ou fazer alguma coisa. Não é só as outras pessoas que precisam de ajuda, todos nós precisamos. Cada um tem um dispositivo pessoal que por determinado motivo pode abrir as comportas da depressão.
E mais uma vez estamos falando de doenças e respeito, doenças e governo, doenças e estruturas familiares, climáticas, emocionais e etc ...
FATO: não vivemos com uma coisa apenas, somos feitos de uma mistura que relaciona o meio de vida, a alimentação, a tendência emocional e de relacionamentos, o convívio com os outros e a descoberta de nós mesmos. Por esse motivo, e só por esse, pense no conjunto das coisas.
Existe a depressão que assola países como o Haiti, por exemplo, pós guerra interna, pós tremor, a depressão que atinge Portugal e sua condição política, sua gente, suas perspectivas de futuro, que assola a França com seus jovens sem muitos objetivos, entregues a beber e a conversar sem rumo, sem direção. A depressão dos famosos nos USA, dos sem visão e possibilidades no Brasil. 
A depressão causada pelo frio e pela ausência do sol em países como a Dinamarca e seus vizinhos. Cada um tem seu motivo e sua razão. 
A depressão causada pela bebida, tão pouco vista e suas inegáveis conseqüências, na família, na vida pessoal e no trabalho. A causada pela obesidade, pela falta de amor próprio, pela morte de um parente e pelas doenças que não param de surgir e sempre são anunciadas como as doenças que irão matar mais pessoas no mundo.

Por todos esses fatores e muitos outros... Pensemos! Essa é uma inimiga pouco conhecida, muito desvalorizada e com ela perdemos a capacidade de reação, o que mata as nossas tentativas de solução. Preste atenção em você e nos que estão a sua volta. A ajuda deve vir sempre que for preciso, sempre que existir uma possibilidade e uma desconfiança. O profissional que estiver habilitado para esse diagnóstico, não pode ser encarado com desconfiança e nem com vergonha.  O que mais alimenta a depressão é a falta de ajuda no tempo certo e a banalização do sofrimento. 
  
https://euamohomeopatia.blogspot.com “Centralizar para crescer e multiplicar”Dr. Elizabethe Carvalho.

 https://homeopatiaparamulheres.blogspot.com/2011/03/o-cha-amigo-certo-das-horas-incertas.html - Homeopatas dos Pés Descalços – Climatério.

  
HOMEOPATAS DOS PÉS DESCALÇOS
As fotos acima foram retiradas da internet - com o objetivo de ilustração/aqueles que se sentirem lesados, entrem em contato que retiraremos. HPD


Leia mais: https://meuhomeopata.webnode.com/news/depressao-a-doenca-desconhecida-fonte-homeopatas-dos-pes-descalcos-homeopaths-of-barefoot/


https://meuhomeopata.webnode.com/news/depressao-a-doenca-desconhecida-fonte-homeopatas-dos-pes-descalcos-homeopaths-of-barefoot/

terça-feira, 1 de maio de 2018

Maria Lopes e a Homeopatia Metafísica

Maria Lopes e a Homeopatia Metafísica 

Instituto de Terapias e Artes Maria Lopes.


Minas tem 8.148 casos prováveis de dengue em 2018



Da Redação
portal@hojeemdia.com.br

20/03/2018

A intensa chuva que ocorre em Minas Gerais deve deixar todos ainda mais alertas sobre focos de criação do mosquito Aedes aegypti. Até segunda-feira (19), o Estado havia registrado 8.148 casos prováveis de dengue, sendo 1.429 deles referentes ao mês de março.
Até o momento, há seis mortes em investigação para dengue em Minas. No ano passado, quando foram registrados 26.862 casos prováveis da doença, 18 pessoas morreram em decorrência da enfermidade. A doença está presente em todas as regiões do Estado e as cidades onde há maior incidência são Estrela do Indaiá (Centro-Oeste), Guidoval (Zona da Mata), Visconde do Rio Branco (Zona da Mata), Marliéria (Vale do Aço) e Moema (região Central).
Febre chikungunya
A região do Vale do Aço continua a ser a região com maior incidência dos casos de chikungunya. Os 1.744 casos prováveis da doença registrados no Estado se concentram na região, especialmente em Coronel Fabriciano, onde há suspeita de 312 ocorrências em 2018.
Não há registro de morte para chikungunya em 2018. No ano passado, foram registrados 13 óbitos por causa da doença em Minas, sendo dez no município de Governador Valadares. Outras cinco mortes suspeitas da doença não foram confirmadas por meio de exame laboratorial.
Zika
Também foram registrados 98 casos prováveis de zika em 2018, sendo 32 em gestantes e, dessas, apenas uma com confirmação laboratorial. As possíveis ocorrências da doença em gestantes foram registradas em 18 municípios, com destaque para: Belo Horizonte (5), Timóteo (4), Coronel Fabriciano e Sete Lagoas (3), Juiz de Fora, Santana do Paraíso e Ubá (2). Em 2017, foram registrados 725 casos da doença.


Maria Lopes de Andrade. Terapeuta Homeopata pela Universidade Federal de Viçosa- MG/ Reg: Livro 10, Nº 21615,Folha 193 

                 

Maria Lopes de Andrade.  
Jornalista Reg. CPJ. 24.825 - 76 - RJ,Radialista.

              Ivan Luiz de Andrade            
     Jornalista - Reg. CPJ 38.690 - RJ - 1977

   Parapsicóloga Clínica, Acupunturista,Reikiana Master,

                                          Terapeuta Quântica de Barras de Acess.

 Homeopata Metafísica ( Coordenadora de Estagio do Curso de Extensão em Homeopatia da Faculdade Federal de Viçosa- MG/ Reg: Livro 10, Nº 21615,Folha 193 v).

Participei do CBO 2000 a convite do MTE,, Ministério do Trabalho e Emprego, representei os Terapeutas do Brasil, na elaboração das Normas do Trabalho dos Terapeutas.

Participei como convidada por
Qualidade de Trabalho CBO 2000 MTE
(Classificação Brasileira de Ocupações do Ministério do Trabalho e Emprego).
Ofício nº194/SE-MTE "Secretaria Executiva do Ministério do Trabalho e Emprego".
Brasília,17 de maio de 2000.

Jornalista Reg. CPJ. 24.825 - 76 - RJ, 
Radialista, 
Parapsicóloga Clínica, 
Acupunturista, Reikiana Master,
 Terapeuta Quântica, Terapeuta de Barras de Acess. 
 Homeopata Metafísica ( Coordenadora de Estagio do Curso de Extensão em Homeopatia da Faculdade Federal de Viçosa- MG/ Reg: Livro 10, Nº 21615,Folha 193 v).

Homeopatia contra a dengue, zika e chicungunha. Cuide-se.

               INSTITUTO DE TERAPIAS E ARTES MARIA LOPES

Homeopatia contra a dengue, zika e chicungunha. Cuide-se.


Por favor compartilhem


Recebi estas indicações homeopáticas via WatsApp, contra a dengue, zika e chicungunha, esta sendo distribuída pela Casa do Caminho de Macaé. 




OBS> As indicações são para uso de adultos. 





Estas fórmulas tendem a aumentar a imunidade de nosso organismo. 
Em caso de suspeita de  contaminação procure imediatamente a 
Unidade de Saúde mais próxima de sua residência.


Casa do Caminho de Macaé

A Casa do Caminho é uma ONG kardecista sem fins lucrativos que promove ações de assistência social a comunidades carentes de Macaé, RJ

Rua do Caminho 500


Email: casa@casadocaminhomacae.org.br 

Macaé - RJ  CEP 27917000

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O IDEAL É HIDRATAR-SE INGERINDO MUITA ÁGUA DE COCO.

"Tire uma cópia e leve a uma Farmácia Homeopática mais perto de sua casa. 

Não acredite que o mosquito irá transtornar somente o seu vizinho. 

Previna-se. 

Em caso de dúvidas procure um Homeopata próximo a sua residência. 

Porque os responsáveis pela Saúde considerada oficial não divulga os sucessos da Ciência da Homeopatia, estará você se perguntando. 

Por tratar-se de um medicamento barato e não interessar aos grandes laboratórios"

Maria Lopes de Andrade. Terapeuta Homeopata pela Universidade Federal de Viçosa- MG/ Reg: Livro 10, Nº 21615,Folha 193 

                 
Maria Lopes de Andrade.  
Jornalista Reg. CPJ. 24.825 - 76 - RJ,Radialista.

              Ivan Luiz de Andrade            
     Jornalista - Reg. CPJ 38.690 - RJ - 1977

   Parapsicóloga Clínica, Acupunturista,Reikiana Master,

                                          Terapeuta Quântica de Barras de Acess.

 Homeopata Metafísica ( Coordenadora de Estagio do Curso de Extensão em Homeopatia da Faculdade Federal de Viçosa- MG/ Reg: Livro 10, Nº 21615,Folha 193 v).

Participei do CBO 2000 a convite do MTE,, Ministério do Trabalho e Emprego, representei os Terapeutas do Brasil, na elaboração das Normas do Trabalho dos Terapeutas.

Participei como convidada por
Qualidade de Trabalho CBO 2000 MTE
(Classificação Brasileira de Ocupações do Ministério do Trabalho e Emprego).
Ofício nº194/SE-MTE "Secretaria Executiva do Ministério do Trabalho e Emprego".
Brasília,17 de maio de 2000.

Jornalista Reg. CPJ. 24.825 - 76 - RJ, 
Radialista, 
Parapsicóloga Clínica, 
Acupunturista, Reikiana Master,
 Terapeuta Quântica, Terapeuta de Barras de Acess. 
 Homeopata Metafísica ( Coordenadora de Estagio do Curso de Extensão em Homeopatia da Faculdade Federal de Viçosa- MG/ Reg: Livro 10, Nº 21615,Folha 193 v).